Lajes Maciças Pré-moldadas e Maciças Com Painéis Treliçados Em Pavimentos de Edificações: Logística, Montagem e Custos

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Nathalia Bezerra de Lima
https://orcid.org/0000-0002-1550-5859
Nathan Bezerra de de Lima
https://orcid.org/0000-0002-1550-5859
Romilde Almeida Oliveira
https://orcid.org/0000-0002-6786-9080

Resumo

Foram avaliados aspectos sobre a logística das etapas de fabricação e da montagem de lajes maciças pré-moldadas e lajes maciças com painéis treliçados em edifícios com 8 pavimentos. Em seguida, também foram avaliados os custos para a preparação destes dois conjuntos de pavimentos. Os resultados mostram que o procedimento de içamento das lajes pode ser considerado uma estratégia de redução de tempo para a montagem das mesmas. Para a realização do transporte adequado dos painéis usados nas lajes maciças, até o local de montagem das mesmas, foi necessário o uso do equipamento manipulador telescópio Skytrack. Em seguida, foi verificado que a fabricação das lajes maciças com painéis treliçados para a construção de uma edificação foi economicamente mais vantajosa quando comparada à fabricação das lajes pré-moldadas. No entanto, considerando tanto a fabricação das lajes quanto a sua montagem, foi constatado que as lajes pré-moldadas são economicamente mais vantajosas quando comparadas às lajes maciças de painéis treliçados, onde a fabricação e a aplicação das lajes pré-moldadas correspondem a 69% do custo correspondente às lajes maciças de painéis treliçados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Lima, N., de Lima, N., & Oliveira, R. (2020). Lajes Maciças Pré-moldadas e Maciças Com Painéis Treliçados Em Pavimentos de Edificações: Logística, Montagem e Custos. Revista De Engenharia E Pesquisa Aplicada, 5(4), 59-67. https://doi.org/10.25286/repa.v5i4.958
Seção
Engenharia Civil
Biografia do Autor

Nathalia Bezerra de Lima, Universidade Federal de Pernambuco

Doutora em Química pelo Departamento de Química Fundamental/Universidade Federal de Pernambuco. Áreas de concentração são Química Inorgânica e Química Teórica/Computacional aplicadas à Ciência e Engenharia de Materiais. Possui 20 artigos publicados em periódicos indexados pela CAPES, dentre estes 19 com fator de impacto.